11 de dez de 2016



O Sport estava no jejum de 12 anos.

E montou uma seleção na Ilha.

Jarbas Guimarães gastou os tubos.

Trouxe Luciano, a Maravilha do Arruda.

Contratou Dario, duas vezes artilheiro do Brasil.

Tricampeão no México.

Mas o talento também podia vir do nome arabesco de Rubem Salim.

Porque ganhar o estadual já tinha virado uma história das mil e uma noites...


Um comentário:

  1. No estadual brilhou o craque Sebastião Rufino...

    ResponderExcluir

Comentários