12 de mar de 2017



Por ROBERTO VIEIRA

Sérgio Melo me manda de Guadalajara a notícia asteca.
O futebol mexicano parou.
Juízes em greve.
Dez jogos da Liga Mexicana suspensos.
Grana?
Nada disso.
O que aconteceu foi o seguinte.
Dois jogos da COPA MX.
Aguilar do América e Trivero do Toluca expulsos.
Expulsos por ameaçarem o árbitro da partida.
Aguilar pega dez jogos de suspensão.
Trivero pega oito.
Os árbitros acham pouco – quase nada.
A Associação Mexicana de Arbitragem reage.
Vera Cruz e Puebla jogariam nesta sexta-feira.
Os árbitros foram ao estádio.
Sinal vermelho da Associação.
Nada de arbitragem e nada de jogo, muchachos!
Prejuízo milionário.
O aviso está dado pelos homens de preto.
Eles exigem respeito.
Dirigentes, público e jogadores estão de olho.
Será que os homens de preto falam sério?
Será que os tribunais serão mais rígidos com os atletas?

Ou será que tudo vai acabar em tortillas?


0 comentários:

Postar um comentário

Comentários