26 de jun de 2016



A lista é mais extensa que se pensa.

Zico passa por ela.

Sócrates e Falcão também.

Porque o futebol se joga com onze.

Maradona ganhou o título em 1986?

E parece a maior exceção.

Pois a Argentina de 86 é lembrada como um vazio de bons jogadores.

Tinha o Valdano e o Pumpido no gol.

Vá lá, o Burruchaga.

Mas dizer que alguém se lembra de Brown , Cuciuffo e Giusti é um pouco demais.

Então, Maradona foi campeão do mundo com esses companheiros.

E ficou nas mentes a imagem de que o gênio ganha sozinho.

Algo como Garrincha em 1962.

A verdade, no entanto.

É que a Copa de 62 e a de 86 foi um vazio de craques.

Dinamarcas e Espanhas se dissolvendo pelo caminho.

Alemanhas perdendo para si mesmas.

Uma Bélgica e um Chile nas semifinais.

Quem tinha um craque venceu.

Fato improvável de acontecer em 74 ou 82.

Hoje, se a Argentina for campeã.

O futebol começa a pagar uma dívida com um daqueles craques imensos.

Craques que não merecem de forma alguma passar a história como gênios de meia tijela.

Ou de meia taça.

















0 comentários:

Postar um comentário

Comentários