9 de dez de 2015



O Palmeiras sempre foi o calo do Santos.

Sem o Palmeiras?

O Santos seria decacampeão paulista, sem sustos.

Isso nos anos 60.

Mas não é que o Palmeiras também dói no Dorival?

Dezembro de 2014.

Dorival Júnior é demitido do Palmeiras.

Um ano depois?

A final da Copa Brasil impede o tapa com luva de pelica.

Como o futebol é montanha russa.

Vamos esperar 2016.



Um comentário:

  1. Antonio (e o querido poeta faz-me recordar...)9 de dezembro de 2015 20:17

    hehehe,

    garoto... frequentava as arquibancadas do Morumbi... naquela época todos sentávamos lado a lado... era uma delícia... não havia essa divisão, torcida única... nada disso, o futebol era legal e os melhores jogadores do mundo jogavam para nós... bem ali... ah, anos 60...

    assisti a muitos Santos x Palmeiras...

    Santos, para quem não sabe, com a defesa da seleção brasileira... Carlos Alberto, Djalma Dias, Joel Camargo e Rildo...

    vamos lá...

    1. já ia pro campo tremendo... sim, temia um tal de Copeu, ponta direita palmeirense, que fazia gato e sapato do Rildo... lembro-me de um 3x2 pra eles em que os 3 gols foram jogadas do Copeu em cima do Rildo...

    2. em outra ocasião... esse eu vi pela TV... Santos campeão paulista... último jogo do campeonato... entrega de faixas (sim, naqueles anos 60 fazíamos isso, eram tempos em que presidentes medíocres tinham noção da sua capacidade e renunciavam)... pois bem... partida no Parque Antártica... aí, aí, aí... Rinaldo, ponta esquerda, acabou com o Carlos Alberto... carimbaram as nossas faixas com um 5x0...

    hehehe... bons tempos aqueles...

    1 abraço.

    ResponderExcluir

Comentários