13 de abr de 2016





O Bahia de Leça chega ao Recife.

Campeão baiano de 1949.

Sinal dos tempos.

Inicia a excursão nos Aflitos.

Contra o Íbis.

Pássaro Preto destaque dos Torneios Início.

Primeiro tempo?

Buarque toca para Toinho... GOL!

O Tricolor de Aço bota as mãos na cabeça.

O jogo segue duro.

Apenas aos 22 do segundo tempo Isaltino empata.

O Íbis cochila.

Velau bota 2x1 para o Bahia.

Mesmo Velau que aumenta para 3x1 no final do espetáculo.

É, turma!

Esse negócio de pior time do mundo é mutretagem...


Um comentário:

  1. Mestre Roberto: esse time do Íbis não tem Bodinho, não? Será o que está agachado, o primeiro da esquerda para a direita? Reconheço na foto dois campeões alvirrubros do Náutico de 1945: o lateral-esquerdo Amaro China, é o cabeludo de pé, bem no meio da fila; e Plínio, ponta-direita, também campeão pelo Sport, em 1938. É o último agachado, no lado direito, ao lado do goleiro.

    ResponderExcluir

Comentários