20 de jan de 2016



Era uma vez um sonho asteca.

Marcaram o gol.

Seriam campeões.

A Itália era uma bota e nada mais.

De repente, sob o sol.

As camisas azuis marcam seus gols.

Um, dois, três, quatro.

A foto mostra o instante terrível.

O placar de 2 x 1 estampado no horizonte.

Mexicanos de joelhos.

Hernan Cortez estava de volta e vestia camisa 11.


0 comentários:

Postar um comentário

Comentários