10 de jun de 2016



Desde 1984 nada de vitória na estréia dos anfitriões.

1984 que deu França.

E aí entra a beleza do futebol.

Lá vinha eu dentro do carro.

Engarrafamento colossal.

1 x 1 diziam os rapazes da CBN.

Cheguei em casa.

E eis que me informei do chute de esquerda do Payet.

Uma bomba no ângulo no final do jogo.

Uma vitória valorizada pela bela atuação da Romênia - romenos sempre deram trabalho.

Desde a Copa de 30 sob domínio do Rei Carol.

Futebol é sensacional.

Uma caixinha de surpresas, como já dizia Oscar Tabarez.

Técnico do Uruguai,


0 comentários:

Postar um comentário

Comentários